A divulgação da delação premiada da JBS, que envolve diretamente o Presidente Michel Temer e o Senador Aécio Neves, são estarrecedoras e exigem reações concretas para defender as instituições públicas do Brasil.

Mais uma vez ocorre o protagonismo sinistro do ex-deputado Eduardo Cunha do PMDB-RJ.
O Partido Verde do Estado do Rio de Janeiro tem denunciado e feito campanhas para expor os esquemas do PMDB desde 2008. Consideramos que o País precisa reagir de forma contundente para superar a crise política que nos assola.

Devemos estabelecer um pacto que crie condições políticas e jurídicas para convocação de eleições diretas não só para Presidência da República mas também para o Congresso Nacional. Grande parte dos que hoje nos representam foi financiada por caixa 2 e pelas empreiteiras que agora os delatam. Está corroída a legitimidade deste congresso para conduzir as reformas que o Brasil precisa,

Sugerimos a convocação de uma Assembleia Constituinte exclusivamente para debater uma reforma política, para superarmos o atual “presidencialismo de coalizão”. Esses constituintes não poderiam concorrer às eleições que se seguissem à reforma.

Devem ser mantidas as investigações da Operação Lava-Jato, dentro das prerrogativas constitucionais e do processo jurídico.

Nós também apoiamos o abaixo-assinado que pede a saída imediata de Michel Temer da Presidência da República. Clique aqui para assinar.